(9) Preciso ter um coração mais próximo a Deus.

Este é o 9º post da Série que me comprometi no último post de 2011 – Pra plantar e colher: 2012 e seus anseios, citei 12 tópicos para viver e buscar viver no ano de 2012. O propósito é a cada mês do ano, escrever pelo menos um post sobre um tópico, entre os 12 que escrevi como diretrizes para 2012.

(9) Preciso ter um coração mais próximo a Deus.

Você já se perguntou que, se nada mudar, aonde suas atitudes vão te levar ?

Podemos ser cheios de boas intenções, de consciência de boa moral, podemos ser praticantes cristãos, indo constantemente nos cultos e ouvindo a palavra.

Mas quero repetir a pergunta. Você já se perguntou que, se nada mudar, aonde suas atitudes vão te levar ?

Receio que pequenos atos nos mostram quando algo está errado. Nos mostra quando nosso coração fica muito mais perto daqui da terra do que dos céus. O incrível é que nós temos a capacidade de fazer isso e aparentemente não demonstrar nada de mal. Assim como os fariseus. Até um certo ponto. Até o momento que o pecado é consumado, sai dos cômodos de suas entranhas e toma forma e vida….

Sabe, se aceitarmos essa vida de faixada, seremos parecidos com o que Jesus disse: só fala, só discurso, só palavras de preceitos e doutrinas de homens. E imagine Jesus te dizendo que “embora fale com os lábios o seu coração está longe dEle” (Mt 15)

Infelizmente, o conhecimento não é tudo para te impedir de fazer algo que você sabe que te fará mal. Como ouvi hoje do Pr. Renè Kivitz, há um grande mal da cobiça, é como uma foça… um forte desejo que exerce força sobre você. Atribuo esse entendimento para tudo que desagrada a Deus, que é pecado, e que no final vai te fazer mal… (Deus já sabe disso)

Então, talvez esse seja você hoje. Alguém conhece Deus, já ouviu Jesus, mas que o seu coração está distante dEle. Você tem boas lembranças e histórias. Mas a caminhada, houve escolhas, e está prestes a consumar algo que não te fará bem.

Se o conhecimento não será suficiente pra te ajudar a vencer esse forte desejo para o mal, e ainda lembro que em provérbios vamos encontrar a citação que diz “que do coração procede as fontes da vida” em outra versão “as saídas da vida”. De lá de dentro, de suas entranhas, saíra as melhores/piores escolhas da sua vida. Bom será se o seu coração estiver perto dEle. perto de Deus e de Cristo. Porque daí as saídas que tomará para si serão as melhores… as que agradem a Deus e logo te fará bem.

Você precisa voltar para um lugar – A CRUZ. Quero te propor isso hoje. Voltar até Jesus, ao maior símbolo de amor por você. Voltar ao lugar em que você deveria estar, inclusive, se continuar e consumar o mal, continuará devendo estar também por esta atitude.

Você não quer se arrepender. Você quer ter a sensação boa e agir em direção ao forte desejo que você sabe que desagrada a Deus.

Mas a sua decisão não será pautada pelo o que você sente ou até está inclinado a fazer. Mas na verdade que pela sua consciência/conhecimento você pode tomar.

Se Jesus precisasse, se fosse requisito, necessário, imprescindível, eu também acredito que Ele escolheria ir pra cruz outra vez por você. Ele não hesitaria, não tentaria argumentar, diria “será muito difícil mas faça Tua vontade.”

Chegou a hora.

Você também precisa orar e dizer a Deus.

Chega. Não dá mais.

E pedir perdão.

Em momentos assim, de distância de Deus, seu coração longe, a muito tempo a leitura biblica e a oração (principalmente) são vagas, vazias, fracas, poucas, de qualquer jeito. FALTA DEVOÇÃO.

Por isso digo – QUE HAJA MAIS DEVOÇÃO. VOLTE A SE ENCONTRAR COM JESUS, ORANDO E LENDO SUA PALAVRA.

se arrependa, não resista e se renda a Ele.

por isso digo – QUE HAJA MAIS FÉ: para crer em coisas que ainda não vê, tem que ser por fé. Porque sem fé é impossível agradá-Lo e diria que é impossível relacionar-se com Deus.

E por isso também digo – QUE SEJA MAIOR A ENTREGA. Sim há necessidade do esforço para se santificar. Para escolher o que agrada a Deus. Para buscá-Lo e prová-Lo dia a dia. Ele tá te esperando. Ele está nos esperando…

Eu li que quando paramos de crescer é porque o preço se tornou mais alto (e sub-entendesse que não estamos dispostos a pagá-lo).

Eu quero no amor expresso na entrega e prostrar da minha vida diante de Jesus prosseguir crescendo. Este tópico me faz pensar que eles também são motivos de oração durante o ano. Preciso da ajuda de Deus para viver nessa trilha.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s